As cookies servem para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar a utilizar este site, concorda com a política de cookies.
Fechar

Início

Por que não se deve dar chocolate aos cães e aos gatos?

Por que não se deve dar chocolate aos cães e aos gatos?

Que o chocolate é muito prejudicial à saúde dos cães e gatos, a maior parte dos tutores já sabe. Mas sabe porquê? Neste artigo, explicamos os motivos e o que pode fazer, se o seu amigo de quatro patas ingerir chocolate.

Existe um alcaloide derivado do cacau que se chama teobromina. Esta substância, da família da cafeína, tem um efeito diurético, vasodilatador e estimulante do sistema nervoso central e do coração.

Os cães e os gatos não conseguem metabolizar a teobromina e é por isso que o chocolate é tóxico para eles! Enquanto nós, humanos, conseguimos que esta substância não se acumule no nosso organismo, o mesmo não acontece com os nossos amigos de quatro patas. E não é preciso, necessariamente, ingerirem uma grande quantidade deste doce. Um pequeno pedacinho pode ser suficiente para deixar o animal muito doente.

Os sintomas de intoxicação podem ser:

  • Taquicardia;
  • Excitação;
  • Distensão abdominal;
  • Espasmos musculares;
  • Vómitos;
  • Diarreia;
  • Aumento no consumo de água;
  • Subida da temperatura.

HÁ ALGUM CHOCOLATE QUE SEJA MENOS PERIGOSO PARA OS ANIMAIS?

Haver, há — uma vez que a quantidade de teobromina varia consoante o tipo de chocolate. Quanto maior for o teor de cacau, maiores serão os vestígios desta substância. O que significa que, por exemplo, o chocolate branco apresenta menor risco.

Mas nunca deve oferecer doces ao seu cão ou gato! Mesmo que o risco de intoxicação grave seja inferior, são produtos com elevados teores de açúcar e gordura e que serão muito prejudiciais à saúde do seu amiguinho.

Tenha sempre muito cuidado e nunca deixe alimentos potencialmente tóxicos à vista e ao alcance do seu cão ou gato. Ofereça-lhe, somente, alimentos destinados a animais e, de vez em quando, mime-o com snacks ou mesmo um chocolate próprio para cães!

E O QUE FAZER QUANDO O CÃO ROUBA CHOCOLATE?

Se o seu cão ou gato roubou um pouco de chocolate, os tutores podem apenas aperceber-se quando começarem a surgir os primeiros sinais de intoxicação. Perante essa situação, deve ligar urgentemente para o médico veterinário e dar-lhe o máximo de informação que conseguir:

  • Quais os sintomas que apresenta?
  • Que tipo de chocolate comeu e qual a quantidade?
  • Deixou vestígios? Por exemplo, restos de embalagem?
  • Qual a idade, o porte e o peso do animal?

A partir destas informações, e de acordo com o teor de teobromina ingerido, o veterinário conseguirá determinar o risco a que o animal está sujeito.

Em alguns casos, o médico veterinário poderá induzir o vómito, de modo a tentar eliminar a substância tóxica do organismo do animal antes que esta se acumule. O tutor não deve nunca induzir o vómito ao patudo por iniciativa própria! Este procedimento deve ser feito apenas pelo médico veterinário ou com indicação do mesmo.

Consoante o estado do animal, será iniciado um conjunto de tratamentos que ajudarão o seu amiguinho a recuperar.

Deixe o seu comentário