Como ensinar o cão onde fazer as necessidades

23 Set, 2019

Uma das principais preocupações ao adotar um cão é ensinar algumas regras básicas, entre as quais, onde deve fazer as necessidades. É normal que, durante os primeiros dias na nova casa, o cachorro faça as necessidades onde não deve. Por isso, é muito importante ensinar-lhe onde deve fazê-las, logo desde o primeiro dia. Quanto mais cedo, mais rápido e eficaz será.

Sinais de que o seu cão se prepara para fazer necessidades

Existem alguns sinais que podem indicar que o seu cão está prestes a fazer necessidades em algum lugar. É importante saber identificá-las, para que possa ensinar o seu patudo logo desde cedo. Ele poderá começar a afastar-se e a farejar insistentemente o chão, ou a andar às voltas. Cada cão tem os seus comportamentos e o tutor rapidamente irá perceber como age o seu e saberá como melhor ensinar esta regra. Note que um cachorro precisa de fazer as suas necessidades muito frequentemente, por isso, é importante ensinar desde cedo o seu melhor amigo, para que ele as faça no sítio correto, caso contrário, irá fazer onde achar melhor.

Em primeiro lugar deve ser firme na escolha do lugar apropriado para as necessidades. Estar sempre a alterar esse local vai deixá-lo confuso e, assim, dificilmente aprenderá onde deve fazê-las. Quando notar que o seu patudo está prestes a fazer as necessidades, deve levá-lo de imediato para esse lugar - seja um resguardo dentro de casa, seja para a rua.

Ensinar o cão a fazer as necessidades na rua

Os passeios frequentes com o seu cão ajudarão a que ele aprenda mais rapidamente a fazer as necessidades no lugar certo, pois, se ele se habituar a fazer sempre na rua, mais dificilmente fará em casa, pois não se sentirá confortável. Para ensinar um cachorro a fazer as necessidades na rua, os passeios devem ser bastante frequentes, dado que, comparativamente a um cão adulto, os cachorros têm maior necessidade de urinar e defecar. Posteriormente, terá de estar atento aos sinais dele, de modo a perceber quando ele pede para rir à rua.

Criar uma rotina também ajudará neste processo de ensinar onde fazer as necessidades. Por exemplo, depois das refeições é quase certo que o seu patudo terá necessidade disso. Tente que as refeições e posterior passeio sejam mais ou menos dentro do mesmo horário. Se optar por levá-lo à rua, não se esqueça de levar os sacos para recolher os dejetos do seu cão, assim como alguns snacks. Durante os passeios mantenha a trela curta e, assim que ele fizer as necessidades, recompense-o. Até que ele faça as necessidade, não permita distrações. Depois disso, deixe-o descobrir o espaço exterior e socializar com outros animais e pessoas. Um longo passeio tem muitos benefícios, não só a para a saúde, uma vez que ele se mantém ativo e gasta calorias, como para o estado emocional do cão. Desta forma, terá sempre um cão equilibrado e feliz, ao qual será muito mais fácil ensinar estas e outras regras básicas.

Ensinar o cão a fazer as necessidades num espaço interior

No caso de não ter muito tempo livre para esta supervisão, é importante ensinar ao seu cão qual o lugar apropriado dentro de casa. Poderá colocar um resguardo com um tabuleiro e até usar um spray atrativo, para ajudar a estimular o seu patudo a fazer as necessidades nesse lugar.

Nesse espaço que escolher, deve colocar a cama dele, o comedouro com a ração, o bebedouro com água limpa e fresca e alguns brinquedos. O resguardo deve estar no canto oposto a esses objetos, sempre o mais longe possível, pois nenhum cão gosta de fazer as necessidades perto do sítio onde come e dorme. Depois das refeições, deixe-o nesse espaço durante algum tempo e, se ele fizer as necessidades no sítio adequado, recompense-o com uns biscoitos deliciosos. Nos primeiros tempos, é preferível que o resguardo, ou qualquer outro material absorvente que escolha, ocupe uma área grande. Poderá reduzir quando ele souber que é esse o local adequado.

Remova sempre os dejetos e limpe e desinfete a zona indicada, com um produto que neutralize o odor. Dessa forma, o seu cão não se sentirá incomodado com os odores das próprias necessidades e irá evitar que rejeite aquele local como a respetiva casa de banho.

Se ainda não conseguiu ensinar ao seu cachorro onde é o lugar adequado, e se ele passa grande parte do tempo sozinho, é normal que, ao chegar a casa, encontre urina e dejetos no chão. Além disso, a felicidade do patudo ao rever o tutor passadas algumas horas pode fazer com ele urine nesse momento, devido à excitação. Seja compreensivo com qualquer uma dessas situações e insista nos treinos sempre que puder, com base no reforço positivo. Nunca deve punir o seu cão por ele não fazer as necessidades no lugar correto. Ele levará o seu tempo a aprender e um comportamento negativo ou mais agressivo terá o efeito inverso e mais dificilmente aprenderá. Ensinar um cachorro é algo que requer bastante paciência.

As recompensas e linguagem corporal e verbal são essenciais

Cada cão tem um comportamento diferente e o que resulta com uns, poderá não resultar com outros. Se acabou de adotar um cachorro, aos poucos irá conhecê-lo e aprender a identificar os sinais que ele lhe dá, ou seja, a forma que ele tem para comunicar consigo. Assim, poderá adaptar a educação ao seu patudo, consoante aquilo que melhor resultar com ele.

Ensinar um cão é algo que deve ser feito durante toda a vida e não só enquanto cachorro, sendo muito importante que qualquer treino seja baseado no reforço positivo. Sempre que ele fizer as necessidades no sítio correto, recompense-o com biscoitos, carinhos e brincadeiras. Ele irá ficar muito feliz e, numa próxima vez, mais facilmente se irá lembrar de voltar a fazer no mesmo local, pois associa isso a um bom momento. Dessa forma, será muito mais fácil ensinar ao seu patudo onde fazer as necessidades. Para ajudar, poderá conversar com ele, usando palavras-chave, por exemplo, "faz xixi", para que ele comece a associá-las ao ato de urinar.

Comentários

Deixe o seu comentário